DIY Natal / Quadro Natalício

E já é, novamente, aquela altura do ano (bolas, que este ano passou mesmo a voar!). Penso que o ano passado já tinha partilhado convosco que o espírito natalício tende a demorar a instalar-se por estas bandas. Nunca acontece antes de Dezembro e, normalmente, só aparece mesmo em cima do acontecimento.
Mas quando isto acontece comigo está tudo bem. É normal. Ninguém está à espera que seja de outra forma. Já quando acontece com a minha amiga Joana – que é, muito provavelmente, a pessoa que eu conheço que mais gosta do Natal – algo está errado e têm de ser postas em acção medidas drásticas. E é por isso que, em jeito de quem pede ao espírito natalício para que se apresse, este ano declaro aberta a época natalícia de DIY em pleno mês de Novembro.

O projecto DIY inaugural já mora cá em casa desde o ano passado mas, não sei bem porquê, não cheguei a partilhá-lo convosco. Por isso parece-me justo que este ano comecemos por ele.

show-me-pretty-xtmas-frame-diy

Para ajudar (ainda mais) a sintonizar o espírito do Natal, sugiro que tentemos acompanhar o HOW TO com este álbum aqui ao lado. (Eu disse “tentemos”, ok? No pressure ;)). Vamos a isto!

show-me-pretty-christmas-frame-diy

1. Marcar a posição que pretendem que os objectos tenham dentro da moldura (porque vai determinar o espaço no vidro onde poderão escrever) e colá-los;
2. Escolher uma imagem para utilizar como fundo e cortá-la do tamanho da moldura (a imagem que utilizei foi encontrada numa pesquisa no google; podem também usar cartolina preta e fazer pequenas pintinhas bancas ou mesmo colar pequenas pedras brilhantes; ou usar outra imagem/fotografia/padrão que prefiram); sugiro que usem um pouco de fita-cola ou mesmo de cola para ajudar a fixá-la à parte de trás da moldura;
3. Escrever a frase no vidro e deixar secar. A técnica para o fazer é a que já demonstrei neste DIY para o Dia dos Namorados (que também dá um belo presente de Natal!);
4. Montar a moldura e, antes de a fechar, deitá-la numa superfície com o vidro para baixo e deitar os flocos cintilantes lá para dentro (já não tenho flocos – por esse motivo é que eles não aparecem na imagem – mas podem ver os que usei neste projecto de Natal que partilhei o ano passado) com cuidado (estes pequenos flocos aparentemente inofensivos colam-se a tudo e espalham-se por todo o lado muito facilmente e não são fáceis de limpar);
5. Fechar a moldura e já está!

Gostava de vos poder mostrar a imagem que me inspirou para fazer este projecto, mas não estou a conseguir encontrá-la. Se a encontrar entretanto actualizarei este post.

(Tanto os pequenos pinheiros, como os cogumelos, como os flocos foram comprados no Aki. Recentemente também vi cogumelos destes à venda na Tiger.)

Primeiro dia da Primavera // First day of Spring

(scroll down for english)

Não sei se já o disse aqui, mas se disse, hoje tenho de o repetir: o 1º dia da Primavera é, para mim, o dia mais feliz do ano. Pode até chover copiosamente e só ter deixado de ser Inverno no calendário, mas nada disso me importa. A Primavera começou e isso significa que começámos a caminhar para o Verão, e não há altura do ano melhor do que essa.

show-me-pretty-winter-to-spring

Para celebrar, a minha árvore de Natal (lembram-se dela?) – que ultimamente tem estado despida – ontem à noite deu lugar a uma árvore de Primavera.

show-me-pretty-arvore-primavera show-me-pretty-arvore-primavera2 show-me-pretty-arvore-primavera3

E o melhor de tudo, é que vê-la assim me faz lembrar de uma ‘árvore’ que tínhamos na casa onde vivi em Portalegre (que veio das Festas do Povo de Campo Maior), quando tinha uns 4-5 anos, e que eu adorava.

show-me-pretty-arvore-primavera1

I am not sure if I said it here before, but if I did, I’ll say it again: the first day of Spring is, to me, the happiest day of the year. It might even be raining cats and dogs, I really don’t care. Spring is here and that means Summer is just around the corner, and this my friends is the most wonderful time of the year.

As a celebration of the beginning of the new season, yesterday i transformed my naked christmas tree (remember my christmas tree?), into a ‘spring tree’.

And what i like the most every time i look at it is the fact that it reminds me of this beautiful ‘tree’ my parents used to have at our home (that came from this amazing flower feast we have in a place called Campo Maior, here in Portugal; take a look at it here and here), when i was 4/5 years old and that i absolutely loved.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...