Life Lately, Norway

show-me-pretty-instalife-norway

Podia falar do regresso ao trabalho. Do S. Pedro bipolar. Do tempo que continua a insistir em fugir-me entre os dedos todos os dias.
Mas prefiro lembrar-me que há mais ou menos um mês atrás estava quase a entrar num avião para Oslo e noutro, dias depois, para Bergen. Prefiro lembrar-me da Noruega, este país caro-que-dói-mas-lindo-de-morrer. Prefiro pensar na próxima viagem, no mundo que quero conhecer, no tanto que há para ver e fazer. Prefiro repetir mentalmente, várias vezes, que o resto é apenas um meio para um fim (ou vários, para ser mais exacta).

I could write about getting back to work. Or about the crazy weather in Portugal that goes from really hot to pouring rain. Or about the time that keeps slipping through my fingers.
Instead, I prefer to remember the fact that, less than a month ago, I was about to get in a plane to Oslo and, a few days later, in another plane to Bergen. I prefer to remember Norway, this really-(i-mean really!)-expensive-but-oh-so-beautiful-country. I prefer to think of the next trip, the world I want to experience and all the beautiful places I want to visit. I prefer to repeat to myself, over and over again, that all the rest is just a means to an end (or several ends, to be exact).

Join me @ Instagram / Facebook / Pinterest

Life lately

Mentiria se dissesse que esta minha nova-velha vida está a ser fácil de digerir. Não está.

As horas voam, o tempo consome-se e no final de cada dia sobram-me 2 horas para o resto. Nos dias bons. E este resto não devia ser resto. Porque é o que mais me importa, o que me faz sorrir, o que me faz sonhar, o que me faz bater o coração mais depressa. Corro ainda mais para conseguir roubar minutos à correria que são os meus dias. E invariavelmente acabo com eles a serem-me roubados pelo cansaço.

Passaram 2 meses que parecem muitos mais. E, desde a última vez que consegui escrever aqui mais do que duas frases (neste sítio de que gosto tanto e que é tão mais importante para mim do que alguma vez conseguirei explicar) os dias não foram muito diferentes uns dos outros.

show-me-pretty-life-lately-3

Choveu. Muito e várias vezes. Mas também houve Primavera sob a forma de flores. Houve Alentejo, houve o cão-dos-meus-tios, houve números pintados em troncos, houve flores a vir comigo para Lisboa. Houve post-its e tentativas infindáveis de organização (umas com maior sucesso do que outras). Houve Benfica campeão. Houve, principalmente, o casamento tão-tão divertido e cheio de pormenores maravilhosos da minha querida amiga Joana, na companhia da minha querida amiga Maria Ana.

Houve cansaço. Mas houve também – há também – a esperança de que (com a ajuda da perseverança que me corre nas veias) em breve consiga que a vida entre no trilho certo. Aquele que me vai levar ao sítio onde, com uma certeza cada vez maior, sei que quero chegar.

Join me @ Instagram / Facebook / Pinterest

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...